Emerson Fittipaldi “não tem nada a ver com DFRF”. O comunicado foi feito por Daniel Fernandes Rojo Filho

O comunicado foi feito discretamente em 20 de março de 2015.

post original no perfil de Daniel F.R.Filho
https://www.facebook.com/dfrfdaniel/posts/10206619142664244

Informativo aos Membros DFRF Enterprises LLC

A Fundação que gere os projetos na África e no Mundo é “DFRF Obbalube Foundation”, portanto as demais Fundações, incluindo Fittipaldi, não participam nesse momento de forma direta ou indireta nos projetos desenvolvidos pela DFRF Enterprises LLC.

Agradecemos a presença de outras três fundações em nossos eventos e a possível “futura” aliança, porem no momento, nenhuma relação existe entre a Fundação Fittipaldi, o Instituto Fittipaldi ou a pessoa do querido Emerson Fittipaldi nesse ou em qualquer outro projeto com a DFRF Enterprises LLC ou empresas coligadas.

A DFRF Enterprises LLC através da DFRF Obbalube Foundation anuncia a união oficial com o “Dia de Fazer a Diferença”, também a integração com DFRF Education inicialmente na África porem abrangendo todos os continentes em nossa atuação social e humanitária em caráter filantrópico.

Agradecemos a todos os colaboradores, quer seja em caráter oficial participativo ou meramente em presença festiva.

Administração
DFRF Enterprises LLC e Afiliados
121 S Orange Ave
Suite 1600 North
Orlando FL 32801
+1 (888) 382-6452

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

5 respostas para Emerson Fittipaldi “não tem nada a ver com DFRF”. O comunicado foi feito por Daniel Fernandes Rojo Filho

  1. Brasileiro acusado de fraude financeira está foragido e FBI emite alerta às fronteiras
    Daniel Fernandes Rojo Filho (47), acusado de operar um esquema de pirâmide financeira através da empresa DFRF Entreprises, é procurado pela polícia

    16/7/2015
    DIVULGAÇÃO
    Daniel Fernandes Filho é acusado de aplicar o golpe da pirâmide
    Daniel Fernandes Filho é acusado de aplicar o golpe da pirâmide
    DA REDAÇÃO (com Agências) – O FBI, a polícia federal americana, está à procura do brasileiro Daniel Fernandes Rojo Filho, acusado de desviar milhões de dólares de pessoas que investiram na promessa de lucro fácil através da compra de quotas de minas de ouro e outros negócios. Segundo o patrickpretty.com, website especializado em desmascarar fraudes financeiras, documentos da Justiça mostram que o FBI já investigava as atividades do brasileiro enquanto o US Securities and Exchange Comission, a Comissão de Segurança e Câmbio dos Estados Unidos (SEC), entrava com uma acusação formal contra ele por operação de pirâmide financeira, no final de junho.

    O website afirma que agentes da Procuradoria Federal (U.S. Attorney) no Distrito de Massachusetts tornaram pública uma ação contra Daniel Filho e foi emitida uma ordem de prisão contra ele. Segundo um relatório da SEC, agentes estiveram na residência do acusado, em Winter Garden, nas cercanias de Orlando (FL), para cumprir a ordem de prisão, mas ele não foi encontrado. O FBI declarou o brasileiro foragido e já emitiu um alerta de fronteiras para evitar que ele fuja do país, diz a reportagem.

    Segundo a ordem de prisão do FBI divulgada pelo patrickpretty.com, o paulista Daniel Filho “entre outras coisas, atuava, juntamente com outras pessoas sob sua direção, alegando que a DFRF possuía e operava minas de ouro na África e na América do Sul, que o dinheiro que fosse investido estava 100% segurado, e que os investidores poderiam retirar suas aplicações na hora que quisessem. Filho nunca investiu o dinheiro como prometido; em vez disso, usou o dinheiro para outros propósitos, incluindo suas próprias despesas pessoais e comerciais.”

    A denúncia feita pela SEC no mês passado revela ainda que “desde junho de 2014 Daniel retirou mais de $6 milhões da DFRF, cerca de 40% do total recebido dos investidores da DFRF. As retiradas foram de mais de $1,8 milhões em dinheiro, cerca de $1,8 milhões para despesas pessoais (inculindo $500 mil em viagens), e quase $2,5 milhões em automóveis de luxo.”

    Daniel Filho, conhecido por levar uma vida de luxo, sempre rodeado por carros caros e celebridades, postou no site clubedosmilionarios.com.br um texto no domingo (5), com o título “Chegou à nossa porta a conspiração”. Nele, ele alega que “chegou à nossa porta uma conspiração para nos derrubarem (não somente os ataques cibernéticos, os blogs, mas a criação de uma fábrica de denúncias fabricadas, muitas delas anônimas) e, possivelmente com propósito de comprometer a segurança pessoal do nosso CEO Daniel Filho, devido às nossas obras sociais e ascensão de crescimento aberto no mercado. ‘É bom saber que agora estamos incomodando em outro nível”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s