Voip da Telexfree era “gato”. Justiça Federal aceita denúncia do MPF contra os donos.

A ação penal por crime contra o sistema das Telecomunicações foi aceita nesta segunda-feira, 26, pelo juiz Aylton Bonomo Junior, da 1º Vara Criminal, do Espírito Santo, responsável, ainda, por analisar o outro inquérito, também contra os donos da empresa, que apura crimes contra o sistema financeiro, lavagem de dinheiro e de pirâmide financeira.

Este é o primeiro processo criminal que Carlos Costa e Carlos Wanzeler são oficialmente réus.
1_1610866_1506677276259785_2948138887498282551_n-3736995

A denúncia afirma, ainda, que para operar seu modelo de negócios, a Telexfree usava a infraestrutura da empresa Disk a Vontade, que pertence à família de Carlos Wanzeler, e que também não tinha licença de operação. Só após as fiscalizações feitas pela Anatel (Agência de Telecomunicações), a Ympactus comprou a Voxbras, uma operadora do Sul do Estado licenciada pela Anatel.

Fonte: Jornal Gazeta – Vitória – ES    notícia completa

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s